Saṃyutta Nikāya 35.68

Samiddhi Sutta

Samiddhi

“Venerável senhor, dizem, ‘o mundo, o mundo.’ De que modo venerável senhor pode haver o mundo ou a descrição do mundo?”

“Onde houver o olho, Samiddhi, onde houver formas, consciência no olho, coisas a serem conscientizadas pela consciência no olho, nisso haverá o mundo ou a descrição do mundo.

“Onde houver o ouvido … a mente, onde houver objetos mentais, consciência na mente, coisas a serem conscientizadas pela consciência na mente, nisso haverá o mundo ou a descrição do mundo.

“Onde não houver o olho, Samiddhi, não houver formas, não houver consciência no olho, não houver coisas a serem conscientizadas pela consciência no olho, nisso não haverá o mundo nem a descrição do mundo.

“Onde não houver o ouvido … não houver a mente, onde não houver objetos mentais, não houver consciência na mente, não houver coisas a serem conscientizadas pela consciência na mente, nisso não haverá o mundo nem a descrição do mundo.”