Saṃyutta Nikāya 8.12

Vangisa Sutta

Vangisa

Em certa ocasião, o venerável Vangisa estava em Savatthi no Bosque de Jeta, no Parque de Anathapindika. Agora, naquela ocasião, o venerável Vangisa tinha acabado de alcançar o estado de arahant e enquanto experimentava a felicidade da libertação, nessa ocasião, ele recitou estes versos:

“Inebriado pela poesia, eu costumava perambular
de vilarejo em vilarejo, de cidade em cidade.
Então, eu vi o Iluminado
e a fé despertou em mim.

“Ele então me ensinou o Dhamma:
agregados, bases sensuais e elementos.
Tendo ouvido dele o Dhamma,
eu segui a vida santa.

“Deveras, para o benefício de muitos,
o sábio alcançou a iluminação,
para os bhikkhus e bikkhunis
que alcançaram e viram o caminho determinado.

“Bem vindo de fato foi para mim,
ter estado na presença do Buda.
Os três conhecimentos foram obtidos,
o ensinamento do Buda foi realizado.

“Eu agora conheço minhas vidas passadas,
o olho divino está purificado.
Um homem com o conhecimento verdadeiro,

com os poderes supra-humanos conquistados,
eu tenho habilidade no conhecimento das mentes das outras pessoas.”